ABRIGO

Era um celeiro de luz vividamente pronto para novas passagens... Seguia os ensinamentos dos tempos, fluindo na velocidade dos ponteiros da transformação. (Zeca lemos, 06.09.2015) 

Um comentário:

  1. Luzes seguiam as caminhadas passadas. Reflexos iluminados de trajetórias antigas, permanecem no presente saudoso. Borboletas saúdam alegremente a chegada de novos verões ensolarados...
    (Claudia Carvalho)
    20.12.2016

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.